Autor: Ronaldo Nunes
•11/13/2010 11:21:00 PM

Tu estás aqui
Aonde nem eu mesmo
Consigo chegar
Tu estás aqui
Aonde ninguém
Poderá lhe tirar
No cume de meus anseios
Bem longe de meus receios
No lugar aonde deves ficar
Assim eu bem quis
Assim tive medo que não pudesse estar
Mas assim também foi permitido
E isto não pretendo mudar
Tua presença é real
Como o que sinto por ti
Tu és mais que um prêmio
És mais da metade de mim
És começo que nunca tem fim
Sugere-me a frase que mais tem valia em latim
E comigo assim eu te digo
“Carpe diem”.



Ronaldo Nunes
|
This entry was posted on 11/13/2010 11:21:00 PM and is filed under . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

1 comentários:

On 18 de novembro de 2010 15:09 , Anônimo disse...

que lindo...
esse seu amor pela sua amada...
parabéns poeta....
:)