Autor: Ronaldo Nunes
•12/10/2010 11:36:00 PM

Da árvore
Não cai uma folha
Sem que o Mestre
Assim permita


Do homem
Não morre um sonho
Enquanto este
Não se concretiza


Tudo tem o seu tempo
É Deus somente quem determina

O sábio sabe que não sabe o bastante

E aprende...
O tolo toma sua verdade como sábia
E ensina...

Os dois estão na mesma estrada
Porém as direções são distintas

Um caminha contente
O outro contente, "para" na vida

Ambos se sentem felizes
Porém a felicidade de um
É repentina

Pois o sábio em Deus se orienta
Sabes bem quem zela por sua vida
O tolo faz só suas vontades
E as de Deus ele crítica

Tudo tem o seu tempo
Mas não temos tempo
Para tudo fazer
É tempo de algo pra alguém
É tempo pra mim e também para você
Que seja o tempo de plantar para uns
E de outros o tempo de finalmente colher

Nossas vidas verdadeiramente tem um sentido
Então façamos ela valer.

@oronaldonunes
|
This entry was posted on 12/10/2010 11:36:00 PM and is filed under . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

3 comentários:

On 11 de dezembro de 2010 00:25 , Larissa disse...

Gostei, dá pra refletir bastante depois de lê-la..

 
On 11 de dezembro de 2010 01:17 , Juliclécia disse...

Gosto da forma que você escreve.

 
On 11 de dezembro de 2010 10:23 , Jubs disse...

É a vida é algo que tem que ser vivida com bastante intensidade porém com bastante pudor. Ótimo texto querido.
Beijos.