Autor: Ronaldo Nunes
•12/29/2010 11:44:00 AM

Ano novo
Velhos costumes
Sempre a mesma coisa
Mesmo nada sendo igual

O ano velho já foi novo
Mas é sem valia
Em seu final

Retrospectiva pra analisar
Se foi bom ou foi ruim
Roupa branca pra ter paz
-Tá olhando o que? Gostou de mim?
É assim...
Velha hipocrisia do começo ao fim

O ano é novo
O mês é novo
O dia é novo
Todos os instantes são novos
Trazendo uma nova chance de acertar

Mas não!
Velho é o ano que se vai
Assim vivemos a exclamar!

Pra dar sorte...
Pular ondinhas na beira do mar
Amarelo pra dinheiro ganhar
Vermelho pra mais se apaixonar
Superstição é uma arte
E quantos estão a imitar

Velho são nossos costumes
Nossos votos de prosperidade
Novos e bem poucos
São os momentos que criamos
Para tornar os votos em realidade

O ano é novo sim!
Mas não quero velhos hábitos cultivar
O ano vindouro já está próximo
E nele farei de tudo
Pra minhas metas alcançar
E você vem comigo
Ou vai ficar ai só a desejar?


@oronaldonunes
This entry was posted on 12/29/2010 11:44:00 AM and is filed under . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

0 comentários: