Autor: Ronaldo Nunes
•12/31/2011 11:38:00 AM

Feliz ano novo!
Bem vindo velhos costumes!

Olho a queima de fogos e tenho uma sensação peculiar
Me pergunto, o que comemoram?
O que há demais em ver o calendário virar?

O homem que, todavia quis domar o tempo
Desde sempre vive sob o domínio do mesmo

Olha o calendário...

Meus Deus, já é 2012!
Amanhã já é domingo
Nossa! Como a semana voou...

E foi pra longe...
E trouxe outra semana
Que logo também irá

O que fica são os votos
E um bocado de desejar...
Querer um ano novo próspero é bom
Mas o ideal mesmo, é você fazer ele prosperar.




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•12/27/2011 10:18:00 AM




Eu não me vejo sem você
Mas não me encontro mais em ti
Preciso estar contigo
Mas ao teu lado não tenho sido eu
Tudo fugiu dos nossos planos
Errado, erramos...
Talvez isso mude
Quem sabe nem precise mudar
Tua companhia faz falta
Mas o que falta mesmo
É sabermos um sem o outro continuar.






Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•12/25/2011 11:15:00 PM


Sorrir não é necessariamente mostrar os dentes
Por sinal o sorriso mais belo que já vi
Foi um olhar que reluzia magnificamente
Coisa divina
Sorriso da alma
Expressão sincera

O homem aprende muita coisa com o tempo
E uma delas, é reconhecer um sorriso assim

Hoje tive a honra de contemplar um deste
Dentes não se faziam necessários
Mas o brilho no olhar, ah! esse sim...






...O brilho nos olhos sempre será fundamental.
Fuja da aparência, não negue a essência
Pois ela foi e sempre será o essencial.




Ronaldo Nunes

Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•12/20/2011 07:35:00 PM

-

A vida me ensinou a lidar com as perdas, 
não com perdedores.

-


Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•12/19/2011 09:30:00 AM


Vidas veem e vão
Pessoas ficam
Retrato,
Recordação...
Memória,
Saudade só do que foi bom.
Ainda lembro
E jamais esquecerei!
Pois a sepultura não leva
O que se guarda no coração.



Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•12/15/2011 11:34:00 AM


Vamos buscar respostas...
Abrir todas as portas
É preciso arriscar!

Vamos em busca do novo!
Encontrar o pote de ouro
Não custa nada tentar...

Se nada houver do outro lado
Também não há do que reclamar
O nada existe! O tudo não...
Nada pode impedir quem ignora limites
Mas tudo é empecilho pra quem se acomoda com a situação.




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•12/11/2011 01:54:00 PM




Não sinto falta de você! 
Sinto falta do que você parecia ser.





Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•12/10/2011 11:58:00 AM


Dentre tantas (coisas)
Há tantos motivos
Dentre tudo 
Assumo tudo o que digo

Perfeito!
 Meus erros...
A isto me refiro
Nisto que mais me feriu

O mesmo que dói a alma
Mas quando diante de mim, meu corpo sorriu...
Sorrir!
Talvez sorrirá...

Eu luto contra mim
Mas contra isto e estes...
...Quem lutará?



Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•12/08/2011 03:47:00 PM

Escrever-te é ler-me.



Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•12/06/2011 02:29:00 PM



A lua nos ilumina!
Deixa CLARO o que tentamos esconder...
Aflora os desejos,
Dá-nos o direito de querer...

A lua é objetiva!
Na escuridão nos dá um norte...
Nessa vida em que tudo finda,
Acabar perdendo-me em ti, seria minha sorte.




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•11/30/2011 08:48:00 AM


Disseram que foi um tiro
Parece-me que foram dois
Mas qual será o estado de saúde da vítima?
Quem pode me explicar o que realmente aconteceu?
E o que ainda está por acontecer...
Disseram que pra morrer basta estar vivo
E para viver em paz, será preciso morrer?




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•11/25/2011 02:33:00 PM
Quando vou, te levo comigo
Deixando meu eu, bem ai contigo;
Parte de mim quer ficar
E outra acha que nunca devia ter ido.




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•11/23/2011 02:30:00 PM



Empregue o seu melhor no que quer que você faça
Mas o melhor que você pode fazer é não se apegar a isto
Entenda, empregue não se apegue...
Quem se dedica não serve
Pois fazer por si é fazer pra si
E apegar-se aos feitos
Te fara a própria vaidade servir.




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•11/14/2011 09:32:00 AM

Ai destes que usam palavras por demais “incrementadas”
Que nos fazem recorrer ao dicionário
Santa ignorância!
Não de nós, que não compreendemos tal dialeto
Mas sim destes que por estas se acham mais esperto
Pobres infelizes...
Não vê que a poesia é o sentimento em sua essência
É descomplicar o complicado
É descrever o que te rabisca
É por em jogo o que te ganha
É se esconder de forma explicita
Palavras difíceis até chamam a atenção
Mas as mais belas são sempre as compreendidas.



Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•11/05/2011 06:45:00 PM


O que ganharia eu, pobre solitário com minha despretensiosa escrita?
Ganharia um abraço amigo,
Ou a atenção da mulher mais bonita?
Besteira!
Amigos não dão abraços, mas sim puxões de orelha...
Mulheres bonitas não gostam de ler
Preferem ir ao salão de beleza...
-Que isso... Não podeis generalizar!
Perdoe-me! É que a sina do “escre-vivente” é tão cruel
Que mais fácil é o amigo abraçar a mulher bonita
Do que um deles por esta escrita se encantar.




Ronaldo Nunes

Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•11/02/2011 11:49:00 AM


Uma música a meio tom
Um quarto a meia luz
Meia taça de vinho
E sua cara metade n’uma noite toda para completar o que dantes faltava.




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•10/31/2011 11:15:00 AM



Logo quero, sem disto poder
É sincero, não consigo conter
Te conto pra tentar me esconder

Atrás do que conto me encontro
Para o que não conto
Nele não me perder

Mas fujo...

Não posso querer!
Por favor, afaste-se de mim...
... A vontade ou o medo de fazer.




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•10/24/2011 09:04:00 AM





Já dizia o poeta em sua escrita:
"Quem se define, logo se limita"
Ousaria eu, então, definir o amor que sinto?




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•10/17/2011 08:57:00 AM


O que falta a ti homem, para ser feliz?
O que te falta, ou se é que falta...
Vá, conte-me tudo... Diz!

Será que cabe dentro desse reclamar
Um pouquinho de agradecer?
Será que vale a pena um pouco mudar
Só pra ver o que te pode acontecer?

Tenta homem!
Acredite um pouco mais...
A felicidade é uma dose do “não se preocupar” das crianças
No lugar do “e agora, o que é que eu faço” de seus pais.





Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•10/14/2011 08:45:00 AM


Vejo em ti o que queria ver em mim
Vejo em mim o quanto queria fazer parte de ti
É assim...
No impossível, no improvável, no que parece irreal
O querer nos aproxima
Mas quando próximo da realidade
Me dou conta do quão longe ainda estamos
Não por faltar o querer
Mas porque outrora neste caminho...
... Infelizmente não nos cruzamos.




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•10/12/2011 11:42:00 AM


O dia das crianças teoricamente era pra ser uma data comemorativa, mas quais as crianças que realmente tem algo para comemorar? Quais os pais que aos seus filhos podem presentear?

A verdade é que esse dia das crianças com festas, presentes, pais passeando com seus filhos, não é para todos. Apenas uma parte pode desfrutar de tudo isso. Existe um grande número de crianças que vêem nessa data o “dia da esperança”, e não da criança. Esperança porque esperam que haja algo do tipo festa comunitária, com bolo, doces, bicicletas, bonecas ou qualquer coisa que lhes façam esquecer nem que seja por instantes da dura realidade da vida.

Hoje me deparei com uma cena que me fez refletir demais... Dia 12 de Outubro, o dia em que mais vi crianças nos sinais de trânsito. Mas se há crianças pedindo ajuda no sinal, é sinal que algo não está certo. Penso que o problema é muito mais complexo do que podemos visualizar... Crianças gerando crianças, quando não, adultas de mentalidade infantil. Aliás, acho que nem posso dizer isso, porque na infantilidade há um ar de inocência, de pureza, de ausência de maldade. Mas essas, não! Essas vêem seus filhos como fonte de renda, como uma ferramenta de trabalho. Não estou aqui para julgar ninguém, mas acho que algo precisa ser feito, precisamos nos mobilizar! Não é dar esmola, não é pagar um “lanchinho”. É se aproximar de quem tá longe, é dar auxílio psicológico, estruturar moralmente uma família, é lutar por saúde básica e educação, é não tratar com indiferença, quem não tem culpa por estar em uma situação diferente do ideal. Afinal, quem não quer levar seu filho no parque de diversão? Quem não quer ter condição de comprar um brinquedo pro seu filho? Quem não quer algo do tipo?

Dia das crianças é uma data comemorativa que todos deviam sim comemorar, mas pra muitas crianças hoje é data do talvez. Pois talvez haja algo que consiga colocar o sorriso no rosto dessa criança, talvez haja festa, talvez haja bolo, talvez haja brinquedo, talvez... Amanhã é 13 de Outubro, não tem festa, não tem bolo, não tem brinquedo, e a melhora pra essas crianças há de chegar? Talvez... Mas espero que haja.





Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•10/10/2011 12:00:00 AM

Avante seres pensantes!
Voltei mais disposto que antes
A vida é a soma de pedaços de instantes
Livros não são só enfeites de estante

Abra-os se puder
Leia-os se tempo tiver
Descubra-se neles
Neste conselho pode por fé

Conhecimento é o maior tesouro
Rico pretendo ficar...
Troco moedas por palavras
De louco irão me chamar

Tudo bem...

Quem muito fala
Pouco tem pra contar
Quem muito crítica
Nada faz pra ajudar
Aprendi que amizade é a sabedoria
E que ignorância nos faz digladiar.



Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•10/08/2011 10:26:00 AM

Nada que ficou escrito foi tão bom
Que não se fizesse necessário
Um pouco mais escrever

Nada foi tão pouco
Que não fizesse valer

Nada resta
Quando tudo que se tem
E só a si mesmo

Pois o tudo é simplesmente: Você, você e você...




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•9/28/2011 01:38:00 PM

Rápido, ávido, confuso ao estilo clássico
O amor é suco, e o ódio é ácido
Corrói o corpo e alma
Derrete-nos como plástico


Analogia, metáfora, ainda há quem me compare com um palhaço
Se entendesse o que eu digo
Não faria o que faço
Por tanto errar, digo-lhes:
Não siga meus passos!

Errei por tentar
Mas tentar não errar é só o que faço
É osso! É só o que ouço dizer...
Pior seria se fosse aço

Caminhe!

Busque espaço
O mundo é gigante
Pra quem conta os passos

Ande!

O tempo é escasso
A vida é um presente
Mas não vem com um laço

Reconheça as dádivas
E nunca verás o fracasso.




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•9/21/2011 09:02:00 AM

Tem dias que preciso de livros, enciclopédias, dicionários, cartinhas de amor, tudo que contenha letras, letras e mais letras. Afinal é disto que preciso, é isto que me move, isto que me faz viver.

Agora quando estou cheio delas... Ah, ai só uma folha em branco me preenche. Nada mais.






Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•9/19/2011 04:32:00 PM

A saudade mora na ausência
Mesmo ainda que o físico se faça presente
Os velhos e bons sentimentos
São só recordações...
Retratos, filmes, perdidos em um passado remoto de sua existência

O homem nada faz além daquilo que lhe cabe querer
O homem só faz por ele
Admiraria-me se fizesse pensando em outro ser

Egoísmo disfarçado
Te faço bem
Por que me faz bem estar ao teu lado
Querer dividir o lar
Mas não querer perder seu precioso espaço
O mundo é confuso
Meu Deus o que faço?
Concordamos que está tudo errado
Mas não sabemos quem é o culpado

Até sabemos, mas não dizemos

Nos omitimos
Em benefício próprio até mentimos
Para inimigos sorrimos
Confundimos
Confundidos
Perdidos

Perdidamente confusos em nossa capacidade de nos camuflar
Disfarçamo-nos de correto
Só para o erro do outro apontar
Estou certo ou errado?
Quem é que não estará?
Se a vida tomou esse rumo
Foi por causa do caminho que decidimos trilhar.





Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•9/12/2011 12:01:00 AM


Dias que se parecem com anos, anos que se parecem com dias. Pessoas que parecem ter o domínio da nossa noção de tempo.




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•8/30/2011 10:01:00 AM

Gerar um ser quando não é descuido, é pura vaidade. Sim vaidade! Pois estes futuros seres pensantes ainda nem fazem idéia do que são, do que poderão ser, do que passarão em suas vidas, se valerá a pena viver. É muito egoísmo nosso, queremos ter filhos mas nem ao menos podemos perguntar se eles querem ser filhos, se querem a nós como pais. É, filosofar na maioria das vezes é trágico e ao mesmo tempo necessário. Mas se meus pais também tivessem pensado nisto, talvez eu nem estivesse abordando esse assunto... Menos mal.





Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•8/24/2011 11:54:00 AM

Visse-o-verso?
Visse?
Se não visse, não visse!
Mas se visse...
Versa!








Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•8/22/2011 10:17:00 AM

- Como é seu nome?
Perguntei a um gurizinho lindo que brincava próximo a minha casa. E ele respondeu:
-Tleisaninhu!
-Como?
-Tleisaninhu!
Logo seu pai entrou na conversa e disse:
-Não é sua idade, é seu nome!
Então ele falou:
-Tleisaninhu!
O pai já ficando desapontado e ao mesmo tempo nervoso, disse ao filho:
-É Márcio Vinicius! Agora diz...
Enfim o jovem gurizinho disse:
Niciu, tleisaninhu.
Não foi preciso repetir, eu já havia entendido que o nome não importa, mas sim a beleza e a pureza com a qual enxergamos o mundo e as coisas quando se tem apenas três aninhos.




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•8/19/2011 02:47:00 PM


E quem disse
que poeta organiza palavras?
Pelo contrário, poeta desorganiza.
Quem organiza palavras é dicionário!






Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•8/17/2011 02:38:00 PM




Há pessoas que desejamos conhecer; e outras, que nos conheçam.


(um pouco mais)




Ronaldo Nunes


Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•8/15/2011 02:34:00 PM

Ora,
Respira homem, respira!!
Sim, a mão transpira
Ansiedade é sina
Mas isso ensina a cordenar a respiração (aprenda)
Respira!
Se possível expire, e exprima!
Afinal,
D'onde inspira, Se não transpira?
(...)
Ah como me pira
Essa tal falta de inspiração.



Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•8/02/2011 10:06:00 AM

Sou o poeta das boas novas
Que por estas não tem sido contemplado
Sou o poeta dos sonhos
Mesmo estando quase sempre acordado
Sou utópico
Sou irreal
Sou o que sonha o impossível
Para se tornar possível no final

De certo que tudo finda
Tudo há de ter um fim
Enquanto não finda o sofrimento
Cultivo a esperança que dentro de mim

Sou o poeta das ilusões, poeta das coisas e das causas
Pois a indiferença aos poucos é que me mata
E se morto ficam folhas
Folhas, folhas...
Folhas rabiscadas
Estas quiçá serão lidas
Se não, ficarão jogadas as traças.



Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•7/25/2011 07:13:00 PM

E foi assim, desde menino ouvindo:
Não dá! Não pode!
Você não consegue!
Vê se me escuta menino...

Me ouve, eu sei do que falo
Isso não é pra você
Não combina contigo
Abandona esse barco!

Não dá!
Não pode!
Você não vai conseguir!

De tanto ouvir "Não"
Achei por bem
Não desistir!



Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•7/19/2011 06:26:00 PM

Tinha por hábito assistir o telejornal matinal enquanto se arrumava para ir ao trabalho. No percurso, fazia questão de encontrar alguém que estivesse disposto a escutá-lo ou até mesmo debater sobre algum assunto da atualidade. Era um exercício diário, sempre saia com a pauta definida para seu sagrado debate. Na realidade, mais parecia uma palestra, pois praticamente só ele falava... Verdadeiramente um exímio orador!
Hoje não seria diferente. O telejornal amigo de suas manhãs veiculou uma notícia que talvez não tivesse tanta importância para o povo brasileiro, mas para ele, o "homem multi-tema", era o suficiente para que sua viagem até o trabalho não transcorresse no silêncio total da indiferença cotidiana.
A caminho do trabalho, pegou sua primeira condução. Ônibus lotado, sentia que ali não era um lugar adequado para uma boa conversa sem aqueles solavancos alheio, sem que fosse necessário o aumento de seu tom de voz, entre outros empecilhos que impedem uma boa conversa. Mas mesmo assim soltou uma frase meio que sussurrada:

- Rapaz, "cê" viu o novo país africano?

É incontestável seu talento para iniciar uma boa conversa. Pois existe melhor forma de puxar assunto do que com uma pergunta? Existe?
Mas desta vez não funcionou! Talvez por não ter direcionado a pergunta a alguém, talvez porque ninguém tivesse conhecimento do assunto, talvez porque ninguém quisesse comentar mesmo. Mas a viagem prosseguiu, e ao chegar no terminal rodoviário, precisava pegar mais uma condução. Foi até a plataforma na qual esperaria sua próxima condução e avistou a sua frente dois senhores, que por sua aparência julgava-se que ambos tinham seus 60 a 65 anos. Eram comunicativos e diante disto percebeu que ali seria a oportunidade perfeita para enfim abordar o tema que tomara conhecimento pela manhã. Então, mais uma vez ele soltou a mesma pergunta no ar:

- Rapaz, "cê" viu o novo país africano?
No mesmo instante um dos senhores interrompeu a conversa e disse:

-(Sr n°1) Se todo mundo lutasse pela liberdade como esse povo, o mundo era um lugar mais digno.
O outro retrucou:

-(Sr n°2) Mas brigar por liberdade é estar preso a utopia.
No mesmo instante sem que houvesse tempo para o "homem multi-tema" entrar na conversa o outro senhor exclamou:

-(Sr n°1) Antes preso a utopia do que a escravidão sob o regime da covardia. Devemos lutar pelo o que é nosso por direito!
-(Sr n°2) E quem determina o que é nosso? Qual a nossa parte? Isso não passa de politicagem, jogo de interesse, ninguém quer a "liberdade", tudo isso é egoísmo!
-(Sr n°1) Egoísmo?
-(Sr n°2) Sim, egoísmo! Pois o conflito nessa região já persiste não é de hoje, mas após a descoberta de petróleo naquele solo, resolveram lutar por sua independência. Que independência que nada! Só não querem repartir o "pão" e ainda vender o "vinho" que brota daquele chão. É fácil querer ser independente, querer não mais ser "colônia" quando se tem mais recursos que o "império". Quero ver lutar por independência do zero, sem recursos.
-(Sr n°1) Mas essa batalha como você mesmo disse, já é de tempos atrás, essa decisão de um país novo já era prevista.
-(Sr n°2) Que nada! Antes usavam a expressão "liberdade" como pretexto para uma carnificina, milhares de pessoas morreram nesses confrontos. E tudo isso por quê? Para demarcar linhas imaginárias? Para erguer uma nova bandeira?

E quando por segundos todos calaram, então, aquele homem que saiu de casa com intuito de palestrar, se via diante de um verdadeiro debate, mas completamente sem argumentos. E mesmo assim resolveu entrar na conversa:

-(Homem multi-tema) Mas vocês...
Txchum, txchum, txchum, xxchumm...
Chegou o ônibus!
Os dois senhores então sobem no ônibus. Porém o "multi-tema" continua na fila, pois já não havia mais lugares no ônibus e não lhe convinha prosseguir de pé em sua viagem que ainda seria de no mínimo 50 minutos. Decepcionado ele pega o ônibus seguinte e viaja só, calado, com uma enorme frustração por não ter dito nada além de sua interrogativa, que por sinal foi o motivo do debate. Quando na verdade o que ele queria dizer era só o nome do novo país que o telejornal veiculara. Sudão do Sul.




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•7/15/2011 11:24:00 AM


Nunca quis ficar cego,
mas fazia questão de não enxergar o sofrimento alheio.





Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•7/04/2011 10:13:00 AM

I
Estou afogando as mágoas
Em um oceano de palavras
Mergulhado nesta turva tinta
Que tinge a cor do desespero

II
Tão azul que se faz de roxo
A ponto de assustar

III
Submergir é preciso!
Ressucita-me agora...
Anseio acordar!

IV
Desacordado ainda agonizo
Quem virá me salvar?

V
Palavras, palavras...
Boca-a-boca...
Massageia o toráx
Tentam me reanimar

VI
Folha branca, salva-vida
Que as palavras não me afoguem
E que quando ainda que esteja desacreditada
Com as linhas se esvaindo
Continue!
Pois só tu
Ainda tu
Tu que podes me resgatar.



Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•6/25/2011 04:47:00 PM


-Alô Quem fala??
Ah, você de novo... O que você quer?
...
Já disse que não quero mais saber de você. Já estou de saco cheio disso! Pare de me atormentar, me deixe em paz! Não quero ser grosso com você, mas não vejo outra saída.
Vou ter que dar um jeito de fazer você parar de ligar pra mim, não aguento mais ouvir essa sua voz... Amanhã eu pago essa fatura!






Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•6/20/2011 09:41:00 AM

Enquanto se discute sobre quem é o melhor
Sigo fazendo o meu...

Sim, faço o meu melhor!

Não sou muito
Nem faço pouco
Não gosto de tudo
Nem dou desgosto

Até mato um leão por dia
Mas prefiro trazê-lo para o meu lado
Pois quando enfrentar o inimigo
Pior seria enfrentá-lo só
Do que estando de um leão acompanhado

Não faço amigo
Apenas o reconheço
Não cultivo inimizades
Pois toda guerra tem o seu preço

Ah os melhores... os melhores e seus segmentos
Ah os frustrados.. os frustrados e seu eterno tormento
Todos ainda vivendo
Uns necessitam ser conhecidos
Outros merecem reconhecimento.




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•6/11/2011 01:51:00 PM

Deitado em berço esplêndido
Sentiu-se acomodado
E o brado retumbante
De um povo heróico mais uma vez se prorrogou

O sol da liberdade nunca esteve ausente
Mas ocultou-se por sua gigantesca natureza

Ficamos em teus seios entregue até a morte
Que por sinal
Vindoura!
E que para menos sofrer se faz de sorte

Ó pátria amada!
Nos ame

Não mais nos engane

Pois com os filhos deste, não tens sido mãe gentil
Para outros sim se orgulha de ser
A pátria da bola e das bundas Brasil.




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•5/30/2011 12:34:00 PM

Crítica construtiva

Argumento criado para dizer que não gostou de algo feito por quem você gosta.




Qualquer crítica serve tanto para edificar quanto para destruir. Tudo vai da capacidade que cada um tem de saber usá-la a seu favor.




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•5/12/2011 03:02:00 PM



Olhos que falam
Ouvidos que sentem
Boca que nos condena
Corpos desobedecem a mente
Tudo se confunde
Quando a cumplicidade é evidente.










Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•5/06/2011 02:45:00 PM

De tão observador, percebeu que estava sendo observado.
Diante disto,
Quis amar para que também fosse amado.





Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•4/26/2011 07:21:00 PM

Antes eu era muito estressado
Antes eu era muito ignorante
Antes eu era insuportável
Vivia com os nervos a flor da pele
Hoje
no sono eterno
Descanso em paz.

Aconselho que reflitamos sobre muitas atitudes tomadas por impulso, para que
não venhamos padecer antes do tempo.




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•4/25/2011 10:08:00 AM



Sabe aquela mulher que de tão linda deixa tudo feio perto dela? Então... ela achou que eu era feio demais para ser o homem da vida dela.













Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•4/18/2011 10:25:00 AM

Ela queria que eu fosse perfeito
Eu queria que ela fosse um pouco mais compreensiva
Deus queria apenas que nos amassemos.













Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•4/11/2011 07:40:00 PM

Brasil um país de todos
Onde nem todos
Vivem no mesmo Brasil

Brasil...
De céu azul anil
Brasil de pessoas que dormem na calçada
E quem passa ao lado
Finge que nem viu

Brasil de loucos e sãos...
Brasil um país tropical
Aonde o amor só é mútuo
Em copa do mundo ou carnaval

Brasil que é meu
Brasil que é teu
A esperança de um país melhor para todos
Em mim ainda não morreu.




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•4/10/2011 09:57:00 PM


Ele foi como quem queria voltar...
Na volta nem sabia ao certo se tinha ido lá.




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•4/09/2011 06:38:00 PM

Olho pr'a ela
Me vejo nos olhos dela
Olhos que me vêem
Olhos que me encantam
Olhos que me falam
Olhos que me calam
Olhos que insisto em olhar
Olhos meus que até arranco
Só para os teus olhares ganhar!





Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•4/08/2011 09:16:00 PM

Depois de anos longe daquela que fora sua primeira escola. Sentiu a necessidade de regressar ao lugar onde iniciou sua vida acadêmica para acertar algumas pendências que perduraram por muito tempo. Foram alguns longos anos planejando esse regresso, estava convicto do que queria, sabia bem o que devia fazer ao entrar naquele local. É chegado o grande dia, fez toda uma preparação, não queria que nada saísse de forma inesperada. Seguiu em direção a escola naquela data que ficaria marcada pelo resto de sua vida. Sabia que não podia titubear. Ao chegar na escola, sentiu-se em um estado de euforia, tinha medo e ao mesmo tempo coragem pela forma que entrara naquela escola e nunca dantes tinha sido visto de tal maneira. Era uma novo olhar que tinham sobre ele, os olhares que lhe fitavam eram uma mistura de surpresa e respeito. Adentrou então em uma das salas daquele colégio, percebeu um grupo de meninas conversando sobre a prova aplicada no dia anterior, mais ao fundo viu alguns garotos brincando enquanto não chegava o professor. Neste mesmo instante todos lhe perceberam e ficaram sem reação, durante alguns segundos houve um silêncio que logo foi quebrado pela diretora do colégio que ao ver o mesmo caminhando em direção a sala correu para a porta e disse: Este é o novo professor! Tenho orgulho de ver este jovem trabalhando na escola em que foi alfabetizado. Peço-lhes que o recebam com uma salva de palmas.


É uma pena que nem todos regressam ao lugar aonde deram seus primeiros passos com o mesmo sentimento.
Que Deus possa confortar as famílias que perderam de forma precoce e inesperada aquelas vidas tão preciosas, as quais irão fazer muita falta neste mundo.




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•4/06/2011 06:56:00 PM



Vi ali
A criança querendo sorrir
O trabalhador na madrugada
Querendo dormir
O baladeiro pra festa
Querendo sair
Cada um na sua rotina
Uns existem
Outros insistem em resistir

Uns trabalham
Outros do céu esperam cair

Melhor vir pra cá
Melhor sair daí
Tem errado que quer se acertar
Tem errado insistindo em bulir
A conversa parece afiada
Não vai pra batalha
Quem não quer se ferir
O medo faz parte

E é de suma importância
Desde que não nos induza a desistir
Eu vejo gente que lê
Eu vejo gente que fala
Vejo quem gosta de ouvir

Eu vejo e espero que vejam
Pensamentos que em versos
Eu escrevi.




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•4/05/2011 05:05:00 PM

Vestiu sua melhor roupa,
Estava todo arrumado, sua mulher até desconfiou...
Independentemente de sua ansiedade, não podia se atrasar, o encontro era importante. Saiu de casa bem cedo e para sua mulher nem se explicou.
Depois de algumas horas voltara a sua casa
E sua mulher o indagou:
-Por que saístes tão apressado?
Com quem tu se encontrou?
O marido ao mesmo tempo contente e assustado, sem saber o que dizer, tentou falar mas gaguejou...
Sentou, respirou fundo e não se conteve. Então para sua esposa, assim ele falou:
-Hoje fui a uma entrevista de emprego, contrataram-me, pode me considerar o mais novo trabalhador!

Ronaldo Nunes

Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•4/04/2011 09:36:00 PM

Dissestes assim:

-Escreva-te!
Que falo de ti

Digo-te assim:

-Transcrevo-te
O que sinto em mim

Sou rabisco
Em teu chão esbranquiçado
És finito
Nos meus versos relatados

Falo o que sinto

Preencho o espaço
Sou poesia
Tu és o compasso

Chegastes ao fim
De meu espaço em branco
Pelo menos é o que acho

Pegue outra de mim!
Se acabo,
Novo me faço

O papel aqui é o manda chuva
E o poeta sensível, capacho.




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•4/02/2011 09:26:00 PM

Entrou no ônibus com sangue no olho, disposto a tudo para obter êxito naquilo que tomara por meta a ser cumprida. A todos pediu atenção, mas ninguém teve coragem de olhar em seus olhos. Todos desviaram o olhar com medo de sua reação. Ele como sempre, só estava fazendo seu trabalho. Não obtendo tudo que desejara neste ônibus, não podia perder muito tempo ali. Desceu do ônibus tão rápido, que quase não o viram sair. Pegou outra condução e assim que adentrou no mesmo, assustou a maioria com um grito: Olha a Jujuba é 3 por um real! Por favor desculpe o incomodo pessoal, mas sobrevivo disto aqui!




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•3/30/2011 10:03:00 PM

Transpiro o que respiro
Exalo o que reparo
Reprimo o que me oprime
Eu falo quando calo

Depende do que é
Para ser o que sou
Depende do que sou
Para ter o que quero

Mas o que é
O que não devia ser?
O que não devia ser
Apenas é o que não quero!

Então transcrevo de acordo com o que percebo
E descrevo de acordo como desejo.





Ronaldo Nunes
Links para esta postagem
Autor: Ronaldo Nunes
•3/29/2011 10:53:00 AM

Ó fase!
O que fazes com este
Intenso vai e vem?
Nessas tuas idas e vindas
Eu fico!
E me torno novamente refém

Pois tu não sabes
Se fica ou se vai
Mesmo indo ou vindo
Teu rastro não se desfaz

Deixa marcas
Nem sempre me satisfaz
Mas quando vier
Que venha com boas novas
E que de mim não se afaste jamais!




Ronaldo Nunes
Links para esta postagem