Autor: Ronaldo Nunes
•7/07/2012 03:09:00 PM

És este signo em constante transformação,
Esta forma que diferencio das demais.
Faço-me substância para projetar-te em meu viver.
Quero-te! E quero tirá-la desse estado continuum,
Aonde não mais se iguala aos que te cercam.
Notei-te, e diferenciei-te.
Confesso!
É um querer demasiado,
A ponto de fazer-me recorrer a Hjelmslev
Para explicar o que ando sentindo.




Ronaldo Nunes
|
This entry was posted on 7/07/2012 03:09:00 PM and is filed under . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

4 comentários:

On 7 de julho de 2012 21:49 , Jehssyca F. disse...

Alguém anda estudando linguística aqui! ;D

 
On 8 de julho de 2012 12:21 , Angélica Lins disse...

Que coisa mais linda!
=D
Beijo

 
On 8 de julho de 2012 16:10 , Ronaldo Nunes disse...

E não é pouco Jehssyca. hahaha Você sabe que não é...

 
On 8 de julho de 2012 16:11 , Ronaldo Nunes disse...

Obrigado pelo carinho Angélica!