Autor: Ronaldo Nunes
•10/22/2012 10:41:00 PM

[créditos da imagem.]

Aqui me expresso
E não transcrevo o que sinto, não!
Traduzo.
Traduzo, tentando colocar em palavras o meu real sentir.
Sinto...
A necessidade em falar de meus anseios.
Mas não falo, não!
Escrevo.
Escrevo nesse campo gráfico-visual o que mais se aproxima
                           [de todos esses sentimentos e sensações.
Para que, então, tu leias
E compreenda o mínimo possível
A ponto de dar-se conta que,
Na falta de uma musa, a aula de Vocábulo serve também para
                      [transferir de meio, esse resquício de inspiração.






|
This entry was posted on 10/22/2012 10:41:00 PM and is filed under . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

0 comentários: